egoísmo meu?

Vou sempre me perguntar se fiz certo, mas independente disso o peso de ter dito adeus vai ficar em mim. Seria egoísmo meu te querer por perto, seria egoísmo ter esperanças numa possível melhora apesar de tudo? Talvez sim. E talvez esse meu otimismo incorrigível esteja me matando ao me convencer que eu deveria ter esperado um pouco mais... Desculpa foi o que eu te disse. Repito: desculpa. Desculpa porque eu não sei como lidar com a sua partida. Eu não sei lidar com o silêncio dessa casa, nem com os lençóis limpos. Eu não suporto o espaço vazio, o tempo ocioso, eu não aguento a tua falta. Eu não sei conviver com a idéia de que isso acontece. Eu não aceito a rapidez com que as coisas aconteceram. Eu não me conformo. Eu não me perdôo.

Egoísmo meu te desejar tanto aqui.

0 Rompendo o asfalto:

Seguidores