Adolescência tardia.


Desconheço o que acontece comigo nesses dias. Basta estar só para deixar que a minha angústia escorra pelos meus olhos; angústia que me corroía internamente pouco atrás. Mãos presas, olhos vendados. Inoperante diante dos fatos, e isso me destrói por dentro. Para que pensar nisso de novo? Masoquismo, masoquismo de minha parte. Estou distante de mim, distante de você, muito mais que antes. E tudo isso por causa desse tal de amor.
O problema todo está no fato de que o amor não precisa de toques para ser amor. O amor não precisa de palavras para ser amor. O amor, infelizmente, nem precisa ser correspondido para que continue a crescer. E assim, eu fico aqui na defesa evitando seu olhar, tentando te odiar por algum mínimo motivo, te ignorando, fingindo não estar prestando atenção, tudo isso para mentir a mim mesma, para arrancar de mim esse inferno que estou sentindo em meu coração. Inferno.

6 Rompendo o asfalto:

KêDy disse...

oi, estou (invadindo) pisando neste asfalto e ousando a rompe-lo.
Amei o blog,ele é bom e os textos gostoso de ler.

tenho dois blogs pode visitar tbm na verdade será um honra.

Hariane disse...

Amor não precisa de explicações...

Apenas ser vivido por pessoas que se amam.

Bj

UnderOground disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Filipe Garcia disse...

Ah, o mal do amor... quem nunca passou por isso? Adolescente ou não, a dor da indiferença, da distância, realmente, não é nada confortável. Bom é amar pertinho, parece mais seguro.

Beijo, Nathália!

Vanessa disse...

Calma, respire fundo e sente em um canto. Espere um pouco, que passa. Sempre passa. Tudo passa.

bj

Tássia Pellegrini (Tanna) disse...

"O amor, infelizmente, nem precisa ser correspondido para que continue a crescer. E assim, eu fico aqui na defesa evitando seu olhar, tentando te odiar por algum mínimo motivo, te ignorando, fingindo não estar prestando atenção, tudo isso para mentir a mim mesma, para arrancar de mim esse inferno que estou sentindo em meu coração. Inferno."

O texto todo reflete algo que passei há pouco e essa passagem, em especial, me tocou muito, pois descreve com exatidão o que passei. O que você passa. O que outros passarão. E que dói, que fere, não importa o tempo. Mesmo que passe, ainda fica, como uma boa ou má lembrança, ou até mesmo cômica.

E sei que ficarás bem!

Seguidores