Luz.


A sua presença faz meu dia mais feliz. Me anima quando tudo parece quebrado, obscuro e sem sentido. Você trouxe as gargalhadas que eu mais precisava nesse tempo de caos. Me deu força e levantou minha cabeça. Acalmou minha alma, me fez pensar e enxergar as coisas, principalmente aquelas que eu não queria ver. Você foi aquela luzinha gostosa que nos acorda, com aquela sensação de aconchego e carinho... E a gente virou amiga. E vai sair por aí virando o mundo, virando história, virando a mesa.

só você , Hari. Só você.

foto em: http://revistabenedito.files.wordpress.com

3 Rompendo o asfalto:

Hariane disse...

Nossa aliaça se fez firme a cada percurso do dia.

Agradeço por tuas palavras! Sem saber ao certo como retribuí-las.

Espero que continuemos assim, amigas.
Cada vez mais e mais.

E só o que posso dizer " você me faz tão bem"

Obrigada papai do céu por ter posto esta pessoa tão especial, que é você Nathy, em minha vida.


Bjus, amiga!
Te adoro mto!
Ihhh to emocionada!

Filipe Garcia disse...

Oi Nathália,

não sei por que, mas demorei pra achar seu blog. Não encontrei ele no seu perfil e saí fuçando pelos blogs, rs.

Fico contente de ver você lá no meu mundo lendo meus textos. Peço que tenha um pouco de paciência quanto ao final do "Conto policial". Amanhã, se tudo der certo, postarei o restante.

Quanto ao seu texto, bonita homenagem, um verdadeiro brinde à amizade. Essas afinidades que vamos descobrindo pelo mundo a fora só nos tem a acrescentar. Amigo, nas palavras de Marcelo Batalha, "é aquele que te dá um pedacinho de terra quando é de chão que você precisa".

Beijo aí!

Hariane disse...

Tô com saudade de seus escritos.
Cadê?
Mais post, Nathy!

Seguidores